Camerata Florianópolis e Steve Vai: os bastidores da parceria para o Rock in Rio

A orquestra e o guitarrista são a última atração do Palco Sunset, nesta sexta, por volta de 20h.

 Falta pouco. Depois de seis meses de ansiedade e expectativa, finalmente chegou o dia da Camerata Florianópolis se apresentar no Rock in Rio. A orquestra toca com o guitarrista Steve Vai  nesta sexta-feira, às 20h, fechando a programação da noite no Palco Sunset, o mais eclético do festival. A previsão é de que o show dure uma hora, tempo para que os músicos catarinenses executem 10 canções do virtuose americano acompanhados pelo próprio — que também fez os arranjos sinfônicos das versões. 

A gente sabia que Steve Vai é conhecido pela técnica apurada, mas as composições que ele nos mandou são impressionantes, com passagens supercomplexas — disse o maestro Jefferson Della Rocca ainda em solo ilhéu.

Para fazer bonito no Rock in Rio, os ensaios intensificaram-se nas últimas três semanas, chegando a sete horas diárias. Às vezes, com todos os integrantes; às vezes, com os naipes (cordas, sopros) em separado. Além de 60 instrumentistas, a Camerata será encorpada pela banda Brasil Papaya — os irmãos Eduardo e Renato Pimentel (ambos na guitarra) e o baixista Baba Jr. — e pelo percussionista Rodrigo Gudin Paiva. No sábado passado, por exemplo, os quatro, alguns violinistas e violoncelistas da orquestra e o pianista Alberto Heller passaram o dia em uma sala do Instituto Federal (IFSC) se familiarizando com as partituras enviadas por Vai.

— Se ele quisesse, poderia ser um músico erudito. Há construções que não se vê nem em peças clássicas — atestou Fausto Kothe, que toca viola (espécie de violino, um pouco maior) na orquestra.

O convite para o Rock in Rio partiu do diretor artístico do festival, Paulo Fellin, que ouviu a Camerata em ação e a procurou com uma proposta difícil de acreditar: não apenas subir ao palco diante de quase 100 mil pessoas, como também ao lado de um monstro como Steve Vai. Na mesma noite, no Sunset estão escalados também os encontros Nightwish + Tony Kakko, Moonspell + Derrick Green e Clássicos do Terror (com André Abujamra e uma turma da pesada). No Palco Mundo, Slipknot, Faith No More, Mastodon e De La Tierra comandam o barulho. 

orquestra aterrissou no Rio de Janeiro na quarta-feira e na quinta-feira ensaiou com Vai pela primeira vez. Segundo Della Rocca, o guitarrista tem um jeito peculiar de manifestar a opinião sobre o desempenho dos músicos:

— Dizem que se faz assim (bota a mão no queixo, como se estivesse analisando), quer dizer "volte depois de estudar mais um pouco". Se faz assim (bota a mão na testa e baixa a cabeça, transtornado), é "nunca mais apareça na minha frente" — riu o maestro. Nenhum dos dois gestos aconteceu na sessão realizada no estúdio Play Rec Som e Imagem, em Jacarepaguá, pertinho da Cidade do Rock
. Agora é aguardar para assistir à Camerata fazendo história. 


Link para assistir ao Rock in Rio ao Vivo: Rock in Rio ao Vivo 

Guitarra de A a Z

O mundo da guitarra é aqui!.